Com drones e novas ferramentas, detetives se equilibram entre tecnologia e privacidade

Maxwell Smart, o agente 86, com seu sapatofone, e Mário Fofoca, com sua maleta de acessórios, são personagens que ficaram para trás. Os detetives da ficção, que fizeram sucesso em séries cômicas de televisão no Brasil e no exterior , já não servem nem mesmo de paródia para os investigadores dos dias de hoje.

via Com drones e novas ferramentas, detetives se equilibram entre tecnologia e privacidade – Notícias – Cotidiano

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s